terça-feira, 19 de outubro de 2010

Dia 19 - Um talento seu

Agora me complicou. Tem coisas que gosto de fazer mas não acho que seja talento. Faço amigos, escrevo poesias na última página do caderno, falo besteira, gosto de rir em todas as horas, principalmente, naquelas que não deveríamos rir.
Um certo talento pra subversão? Pra contrariar regras? Pra ir contra o que a sociedade acha melhor e mais promissor? Um talento pra enrolar nas monografias, Gabi Costa sabe, pra escrever uma crônica em trabalho acadêmico sobre Karl Marx?
Um talento pra abrir sorriso quando as lágrimas caem? Chamaria isso de ponto de vista e não talento. Um talento pra lutar pelos sonhos? Prefiro persistência. Talento parece algo que nasce, um dom, e acredito que tudo possa ser desenvolvido. Então eu tenho o talento da vida, de viver bem, de ver o lado bom da vida e usufruir ao máximo cada gota de experiências que eu possa ingerir.
Pensando em tudo isso, só me resta dizer a todos e berrar aos 4 cantos do mundo que tenho um talento. O talento de sonhar.

2 comentários:

Paty Augusto disse...

Concordo... e que belo talento!!!

Paula Nadler disse...

Adorei seu blog!!!!!!!